Container

Atendimento via Telefone

(53) 3271.0002
(53) 99141.3295

Endereço Centro de Eventos

Av. Pinheiro Machado, 3390/BR - 116
Dist. Industrial - Pelotas - RS - 96040500

CDL Pelotas

R. Félix da Cunha, 765 Centro - Pelotas - RS
(53) 3284-8699 - cdlpelotas@cdlpelotas.com.br

Para uma grande plateia, um doce espetáculo

Todos os direitos reservados Fenadoce 2016

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Mala Direta

Por dentro

Docerias ampliam certificação dos doces pelotenses

Publicado 02/05/2018 11:00

Ano após ano as docerias pelotenses buscam seguir o padrão de qualidade dos doces certificados. A indicação geográfica dos doces garante a qualidade e o reconhecimento dos produtos através do projeto Polo Gastronômico de Pelotas e Rio Grande. O processo de certificação é conduzido pelo Sebrae/RS, a Associação de Produtores de Doces de Pelotas e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Pelotas (CDL). Na Fenadoce 2018, que acontece de 30 de maio a 17 de junho, serão 14 doceiras certificadas.

 

O processo da certificação iniciou em 2015, dando assistência às doceiras para que possam conquistar o selo de procedência dos 15 doces tradicionais - quindim, bem casado, ninho, camafeu, papo de anjo, olho de sogra, pastel de Santa Clara, panelinha de coco, trouxas de amêndoas, fatia de braga, queijadinha, broinha de coco, beijinho de coco, amanteigado e doces cristalizados.

 

Durante abril e maio desse ano mais duas doceiras irão receber o selo: Anette Ruas Doces Tradicionais e Sonia Clasen. Das 17 empresas associadas da Associação dos Produtores de Doces de Pelotas, 12 são certificadas e durante a Fenadoce desse ano já serão 14.

 

O selo garante a tradição da produção doceira na região. Para recebê-lo, as doceiras participam de um processo que inclui modificações para permitir a rastreabilidade do produto. Dessa forma, o consumidor poderá acompanhar através de um código como foi a fabricação do doce.  O Sebrae/RS presta apoio e capacitação durante todas as etapas da certificação.

 

A presidente da associação, Luciana da Silva, informa que esse ano está sendo realizada uma reavaliação da certificação. "Estamos reavaliando para que os doces fiquem cada vez mais parecidos e todos os ajustes técnicos sejam cumpridos. É uma questão estética, para tentar deixar todos mais parecidos possível, mas sempre lembrando que é um trabalho artesanal, por isso sempre vão existir pequenas diferenças", conta ela. A reavaliação inclui as trocas de experiências entre os produtores associados. Luciana também conta que a expectativa para a feira esse ano é de manter o crescimento constante dos últimos anos, seja na venda de doces como no sucesso do evento como um todo. 

 

Possuem a certificação as seguintes docerias: Delícias Portuguesas; Imperatriz de Doces Finos; Doces Santa Clara; Tuca Doces ; V&N Doces Artesanais; Dona Xica Doces de Pelotas; Doces Mona Lu; Pastel Santa Clara; Mestre Kuka Doces de Pelotas; Renata Doces; Nanda Doces e  Nina Doces Artesanais.

 

Fonte: Reverso Comunicação Integrada

Compartilhe

Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS